Logística no Brasil: como chegar até regiões mais distantes

10/04/2019 às 3:55 - Atualizado em 11/04/2019 às 3:58

Um grande desafio da logística no Brasil é a necessidade de empresas e transportadoras realizarem fretes para o outro lado do país. Esse obstáculo se tornou inerente ao transporte e já evitou diversas oportunidades de negócios nos mais diferentes setores e segmentos.

O Brasil possui uma área de 8.516.000 km², três vezes mais que Argentina e vinte duas vezes mais que o Japão. Podemos dizer, assim, que o Brasil é quase que um país continental, com um espaço enorme e uma grande variedade de pessoas dispostas a consumir um produto.

Por outro lado, o tamanho também nos obriga a ter um sistema de transporte de qualidade e capaz de realizar fretes de um canto ao outro do país. Diante desse cenário, enfrentamos diversos desafios logísticos e questões que precisam ser resolvidas.

Uma logística de transporte mais eficiente é necessária

Independentemente do porte e do setor, muitas empresas enfrentam dificuldades na logística de transporte para realizar fretes contínuos entre a sua sede ou estoque e estados mais distantes. Isso porque, o preço do frete no Brasil é extremamente caro e, quando repassado aos consumidores,  inviabiliza diversas possibilidades de compra.

Essa questão está presente tanto no comércio físico, como no virtual. Para se ter ideia, uma pesquisa do Cuponomia revelou que 90% dos potenciais clientes já desistiram de uma compra pela internet motivados pelo custo de entrega.

Como solução a esse cenário, as transportadoras devem se unir a empresas e propor alternativas inovadoras e capazes de se sobrepor aos diversos problemas dos diferentes modais de transporte brasileiros.

Dificuldades dos e-commerces

Os e-commerces enfrentam no Brasil diversos problemas de logística, não só relacionados ao preço, mas também ao processo de frete. Isso porque, muitas vezes, é complexo e inviável realizar entregas até determinados locais do país.

No Brasil, de acordo com o último Censo, cerca de 12 milhões de pessoas vivem em assentamentos irregulares. Esse número altíssimo de indivíduos, que é três vezes maior que a população do Uruguai, não pode receber produtos comprados na internet em suas casas.

Além disso, outra dificuldade dessas empresas é o transporte de produtos até regiões mais distantes de seu estoque. Isso é, o processo para levar um pacote, por exemplo, de São Paulo até o Amapá, costuma ser muito caro e é direcionado ao cliente, que desiste da compra ao se deparar com as condições de entrega.

Outro desafio enfrentado por esse tipo de serviço é a logística reversa. Nesse caso, o cliente retornará a encomenda para a empresa e ela terá que, por meio da transportadora, realizar um novo frete.

Problemas das grandes lojas físicas

Atualmente, no Brasil, muitas grandes empresas enfrentam problemas com a expansão por causa do custo do frete. A Petz, uma rede de Pet Shops, por exemplo, não possui (até o momento) lojas na região Nordeste.

A explicação para a situação, segundo o presidente, Sérgio Zimerman, é a falta de logística para levar produtos do estoque da rede, em São Paulo, até os estados mais distantes.

Apesar disso, esse cenário promete mudar. Com redes combinadas com as transportadoras, a marca promete se desenvolver e abrir mais unidades ao longo de 2019. Comprovada pela CNT, a expectativa é que o mercado das transportadoras aumente concomitantemente às empresas e receba cada vez mais investimentos.

Solução pode ser uma logística integrada

Como solução para reduzir esse tipo de custo, empresas e transportadoras devem trabalhar lado a lado, com uma logística integrada e eficiente. O principal caminho para elas é a produção de novas tecnologias, capazes de mapear e desenvolver as melhores rotas.

Uma gestão de riscos controlada também pode auxiliar as transportadoras a baratearam os custos e oferecerem um serviço diferenciado e eficiente para as empresas.

É importante sempre evoluir e procurar por alternativas inovadoras, pois a logística no Brasil está avançando. Além disso, as transportadoras com diferenciais saem na frente nessa luta para oferecer o melhor serviço para os seus clientes.